Motor

Tracker, T-Cross, Creta e mais: o que cada SUV compacto tem de exclusivo

 (Arte/Quatro Rodas)

A chegada no novo Chevrolet Tracker reforçou ainda mais um segmento que está em alta no Brasil: o dos SUVs compactos.

A competição cada vez mais acirrada tem feito com que as fabricantes se preocupem cada vez mais em equipar seus modelos com itens que nenhum concorrente tem.

QUATRO RODAS então separou os itens exclusivos de cada um dos principais SUVs compactos a venda no Brasil.

Caoa Chery Tiggo 5X

Caoa Chery Tiggo 5X passou por facelift este ano; rodas são aro 18 na versão topo de linha

Caoa Chery Tiggo 5X passou por facelift este ano; rodas são aro 18 na versão topo de linha (CAOA Chery/Divulgação)

O modelo chinês passou este ano por um facelift e teve mudanças na parte dianteira da carroceria, além de receber uma nova central multimídia.

No segmento, só o Tiggo 5X tem desembaçador dos retrovisores (de série nas duas versões) e rodas aro 18 (versão topo de linha, TXS).

Chevrolet Tracker

Novo Tracker tem o exclusivo motor 1.2 turbo

Novo Tracker tem o exclusivo motor 1.2 turbo (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Eis o caçula do segmento. O Chevrolet Tracker mudou de geração e chegou ao mercado este ano recheado de itens que já haviam sido apresentados pelo Onix, mas que ainda são inéditos no segmento dos SUVs.

Um deles é o Wi-Fi a bordo. O carro vem com um chip da operadora Claro inserido no painel e o cliente pode optar por pacotes que variam de 2 a 20 GB de internet, com preços mensais entre R$ 29,90 e R$ 89,90.

Outro equipamento exclusivo não só do Tracker, mas de todo Chevrolet, é o sistema On Star, similar a serviços oferecidos por marcas de luxo como BMW e Volvo.

O assistente pessoal estreou no Cruze em 2015 e possui diversas funções, como serviço de concierge, atendimento emergencial em caso de acidente, telemetria e segurança. Custa R$ 84,90 por mês.

Ainda, só o novo Tracker traz assistente anticolisão com frenagem autônoma a baixas velocidades.

Citroën C4 Cactus e Peugeot 2008

Citroën C4 Cactus tem opção de motor 1.6 THP de até 173 cv

Citroën C4 Cactus tem opção de motor 1.6 THP de até 173 cv (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Os únicos franceses da lista foram colocados juntos pois pertencem ao grupo PSA e possuem, basicamente, os mesmos itens.

Como exclusividade, no entanto, tanto C4 Cactus como Peugeot 2008 têm apenas o sistema Grip Control, que permite que as rodas dianteiras se adaptem ao terreno no qual o veículo trafega, minimizando os riscos de perda de aderência ou derrapagem. O sistema possui os modos Normal, Areia, Neve e Lama.

Peugeot 2008 só oferece o Grip Control na versão Griffe THP

Peugeot 2008 só oferece o Grip Control na versão Griffe THP (Christian Castanho/Quatro Rodas)

No C4 Cactus o Grip Control está disponível apenas nas versões Shine e Shine Pack. Já no Peugeot 2008, o sistema é oferecido somente na versão Griffe THP.

Ford Ecosport

Por R$ 107.790 a topo de linha Storm é a versão mais cara na linha EcoSport

Por R$ 107.790 a topo de linha Storm é a versão mais cara na linha EcoSport (Leo Sposito/Quatro Rodas)

Um dos precursores do segmento no Brasil, o Ford Ecosport continua vivo no mercado e é vendido em seis versões com motores 1.5 e 2.0.

As versões Titanium Plus 1.5 e Storm 2.0 são as únicas que contam com sete airbags, algo inédito no segmento dos SUVs compactos brasileiros.

O Eco é ainda o único SUV compacto com motor flex com opção de tração 4×4 integral (versão Storm 2.0).

Só ele tem uma versão com pneus tipo run flat, que dispensam estepe. Já suas demais configurações são as únicas sobreviventes no mercado com o pneu sobressalente pendurado à tampa do porta-malas.

Até a chegada do Tracker, ele era o único com alerta de ponto cego.

Honda HR-V

Faróis passam a ser totalmente em LEDs; sensores de estacionamento usam sonares aparentes Honda HR-V é bem equipado, mas tem poucos itens inéditos

Honda HR-V é bem equipado, mas tem poucos itens inéditos (Divulgação/Honda)

Carro chefe da Honda, o HR-V teve quase 50.000 unidades vendidas em 2019.

Sistema consegue rebater os bancos traseiros para que objetos mais altos possam ser alocados

Sistema consegue rebater os bancos traseiros para que objetos mais altos possam ser alocados (Divulgação/Honda)

Como exclusividade o modelo traz apenas o sistema Magic Seat, que permite o rebatimento dos bancos de diversas maneiras.

Hyundai Creta

Além de banco do motorista com ventilação, Creta 2020 ganhou carregador de celular por indução

Além de banco do motorista com ventilação, Creta 2020 ganhou carregador de celular por indução (Divulgação/Hyundai)

O SUV sul-coreano foi o segundo mais vendido do segmento em 2019, atrás apenas do Jeep Renegade.

Para tentar superar o rival neste ano, a Hyundai decidiu equipar ainda mais o Creta 2020. Agora a versão Prestige do modelo conta com ventilação no banco do motorista, item inédito na categoria.

O Creta também é o único a oferecer chave tipo pulseira, disponível também na configuração Prestige. Já o carregador de celular sem fio (por indução) era item exclusivo até a chegada do novo Tracker.

Jeep Renegade

Jeep Renegade é o único com versões movidas a diesel

Jeep Renegade é o único com versões movidas a diesel (Divulgação/Jeep)

Grande campeão em vendas do segmento de 2019, com 68.726 unidades e um honroso décimo lugar geral, o Jeep Renegade aposta no design e acabamento como segredos do sucesso.

O modelo não gosta muito de plástico na cabine e é o único que tem painel revestido com material emborrachado. E nenhum outro tem rodas de liga leve aro 19 na lista de equipamentos.

Outro detalhe é que somente o Renegade é vendido com versões movidas a diesel (Trailhawk e Longitude), utilizando o motor MultiJet 2.0 quatro-cilindros de 170 cv e 35,7 kgfm.

Elas também são dotadas de tração 4×4 com seletor e reduzida, o que o torna mais lameiro do que qualquer rival.

Nissan Kicks

Câmera 360º já não é mais exclusividade do Nissan Kicks

Câmera 360º já não é mais exclusividade do Nissan Kicks (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Até pouco tempo atrás, a central multimídia com câmera 360º era exclusividade do Kicks, mas agora também é oferecida pelo Caoa Chery Tiggo 5X.

Sistema detecta objetos em movimento e avisa o motorista pela tela da central multimídia

Sistema detecta objetos em movimento e avisa o motorista pela tela da central multimídia (Divulgação/Nissan)

Sobrou para o SUV da marca japonesa, então, o detector de objetos em movimento, que auxilia o motorista na hora de estacionar.

Renault Duster

Novo Duster ganhou lanternas traseiras muito parecidas com as do Jeep Renegade

Novo Duster ganhou lanternas traseiras muito parecidas com as do Jeep Renegade (Fernando Pires/Quatro Rodas)

O Renault Duster chegou este ano a sua segunda geração e, apesar de não ter vindo ainda com o motor 1.3 turbo Mercedes, se modernizou.

O SUV agora tem câmeras de visão lateral, que auxiliam o motorista na hora de manobrar. Como acessório, pode vir com faróis de longo alcance aplicados em um extensor do para-choque.

Volkswagen T-Cross

VW T-Cross é o único com painel de instrumentos digital

VW T-Cross é o único com painel de instrumentos digital (Divulgação/Volkswagen)

Ele começou tímido nas vendas, mas agora emplacou e é um dos carros mais vendidos de 2020.

O SUV compacto da VW no geral é bem completo e conta, agora de série em suas versões de topo, com painel de instrumentos digital, o mesmo presente em VW Polo e Virtus.

A frenagem automática pós-colisão é outro item exclusivo do T-Cross.

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *