Fatos Fatos famosos Fatos recentes

Temporada de 2020 da F1 começa com Hamilton porquê predilecto

ROMA, 02 JUL (ANSA) – Com quatro meses de tardança, a temporada de 2020 da Fórmula 1 começará nesta sexta-feira (3) em Spielberg, na Áustria, com os treinos livres para a corrida de domingo (5).   

Assim porquê nas edições anteriores, o hexacampeão Lewis Hamilton, da Mercedes, é novamente o piloto a ser vencido nas pistas.   

Desde 2014, quando o Grande Prêmio da Áustria voltou ao calendário da categoria, Hamilton venceu somente a edição de 2016 e viu o seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, e o rival Max Verstappen, da Red Bull Racing, vencerem as três edições seguintes. O holandês cruzou a risco de chegada em primeiro na Áustria nas últimas duas temporadas.   

Apesar dos números não estarem em prol de Hamilton, o britânico é o grande predilecto para vencer o GP e iniciar a sua marcha pelo heptacampeonato, segundo estimativas do site de apostas de concursos e eventos esportivos Snai.   

As duas grandes ameaças para Hamilton na primeira corrida poderiam ser Verstappen, que mira vencer pela terceira vez consecutiva na Áustria, e Bottas. Já Charles Leclerc e Sebastian Vettel, da Ferrari, aparecem na sequência da lista. A escuderia italiana não vence em solo austríaco desde 2003, quando conquistou o GP com teuto Michael Schumacher.   

Já entrando no clima da prova, o britânico George Russell, da Williams, foi quem abriu a conferência de prelo do GP austríaco. As coletivas acontecerão virtualmente em conformidade com as medidas anti-Covid. Cada uma das 10 equipes reservou 20 minutos para perguntas.   

“Estou esperançado na minha temporada, os testes em Barcelona tiveram diferentes temperaturas e inclinações em conferência com a pista de hoje. Teremos indicações mais precisas no termo de semana”, declarou o jovem piloto.   

De convenção com a primeira secção do calendário anunciada pela categoria, a Áustria receberá dois GPs nesta temporada, assim porquê a Inglaterra. A intenção da F1 é fazer ao menos 15 provas neste ano.   

A temporada de 2020 terá o início mais tardio de toda a história da F1, superando a edição de 1951, quando a categoria começou em 27 de maio. Aliás, a Europa voltará a receber uma lisura da F1 pela primeira vez desde 1966.(ANSA)

Veja também

+ Por falta de provas, Justiça nega pedido da resguardo da ex-mulher do atacante Dudu

+ Namoro de Angela Ro Ro chega ao termo e ela desabafa: “Fui traída e usada”

+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade

+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior




Nascente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *